O INSACIÁVEL 

Cheguei na cidade, e fiquei aguardando a chegada do cliente no local que marcamos. Assim que chegou, fomos  até seu apartamento. No caminho coloquei minha mão sobre sua coxa, e percebi que seu pau subiu. Muito sacana, ele abriu o ziper de sua calça e o colocou pra fora, com seu braço pegou minha cabeça e levou até seu pau, fui o chupando até entramos em seu prédio. Paramos no estacionamento, ele tirou meu pau pra fora e também me chupou. Entramos no elevador já mega excitados. Nem bem abriu a porta e ja foi baixando minha calça, me empurrando para o sofá colocando de bunda pra ima e chupando meu rabo. Ele chupava com vontade, me dava tapas, enfiava o dedo em meu rabo.   Não demorou enfio o seu pau, meteu gostoso e gozou. Foi tudo rápido e intenso. Ele se sentou no sofá, largado, e ainda de pau duro, me falava:

 

- Cara me desculpa, agora podemos conversar, estava louco pra te foder. E dava risadas. 

 

Depois dessa primeira faze, ficamos batendo um papo e logo ele estava de pau duro novamente. Me levou para a cozinha, me colocou de pernas para cima sobre sua mesa, e começou a me foder, metia em mim e pegava no meu pau. E metia muito, metia com vontade seu pau. Metemos em varias posições, e em praticamente todos os comodas de sua casa, sala, cozinha, quarto, banheiro, lavandeira...mas com certeza a mais excitante foi na varanda do seu apartamento. Eu ali debruçado sobre o parapeito, e ele atras de mim me comendo. Enquanto me fodia eu ficava olhando os prédios ao lado, as pessoas passando lá embaixo. Dessa vez ele demorou muito pra gozar, me comeu por muito tempo. Estou até agora com meu rabo ardendo. Como aquele puto meteu gostoso. 

 

Assim que gozou comigo de quatro na varanda, ele me levou para dentro me colocou sobre um parador com algumas fotos que tinha ali na sala, começou a me chupar. Até então não tinha sentido a boca dele, no meu pau. Ele sabia como fazer, que boca era aquela, estava preste a gozar quando ele parou. Me pegou pelo braço e me levou até sua cama, me colocou de barriga pra cima  e começou a chupar meu rabo, queria me ver gozar com sua linguá no meu cu.

 

Que linguada gostosa, meu rabo ardia e ele passava a lingua, era como se refrescasse... não demorou gozei, gozei muito. Ele se deitou do meu lado e disse que queria me comer mais um pouco, estava viciado em meu rabo, mas que sua esposa já estava preste a chegar, tínhamos que sair dali.  

 

Saímos dali direto para o estacionamento, entramos no carro. Achei que ele fosse me deixar em nosso ponto de encontro, mas não foi isso que aconteceu, ele entrou em uma casa. Fechou o portão e pediu para mim descer do carro e ficar de quatro sobre o capo, que ele ia me foder mais uma vez. Ele estava insaciável, veio com aquele pau gostoso pra cima e me fodeu, me dava tapas na bunda e metia, a e como metia.

 

Logo, me pegou pelo braço, e entramos na casa, esta estava vazia, não tinha nada, nem uma cadeira, apenas uma escadaria que subia até os quartos. Ele me colocou de quatro ali e novamente começou a meter em mim, já não estava aguentando mais, e nem ele.

 

Tirou o pau do meu rabo e me disse:

 

- Cara quero meter mais, mas meu pau ta ardendo, você tem um rabo muito gostoso. 

 

Tentamos mais um pouco, mas não dava, o pau dele já estava ficando mole de tanto que ardia.

 

Nos arrumamos e voltamos para  carro, no caminho de volta a unica coisa que se ouvia era a respiração ofegante de nós dois. E se via o sorriso de orelha a orelha de dois putos safados que tinha trepado muito gostoso. 

 

Nos despedimos, e voltei pra casa. Assim que cheguei vi uma mensagem dele, era a foto do seu pau todo vermelho, e em baixo dizia "Queremos mais".

 

E olha, que foram horas de uma boa foda. Esse literalmente É FODA.     

  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle

Todos os diretos reservados a ©JuanCalabares (19) 9 9627 7211

AGUARDE A PAGINA SER CARREGADA 

Registre-se no Site e receba as atualizações.