FAZENDO MASSAGEM NO MACHO SARADO​

Ele é de outra cidade, um pouco distante de Araras, viu meu anúncio de massagens e resolveu entrar em contato. Disse sempre ter tido vontade de fazer uma massagem um pouco mais ousada com outro homem, mas não encontrava ninguém na região onde morava. Resolveu pesquisar e encontrou meu anúncio e veio até mim. 

 

Chegou em casa, o recebi na sala,  batemos um papo, queria saber mais o que ele esperava da massagem, quais eram seus objetivos... Após essa conversa  fomos para o quarto, estava tudo preparado para ele, luz, música, óleos, toalhas. Pedi para tirar a roupa e ficar de cueca, ele logo se despiu e tirou tudo. Ai sim, consegui ver que por baixo daquela roupa larga se escondia um belo corpo, muito bem cuidado, forte, bem malhado, lindo. Disse para  se deitar de bruços, iria começar a massagem em suas costas. Tirei minha roupa ficando somente de cueca, me posicionei próximo aos seus pés e comecei a massagear seus corpo com  óleo.

 

Dei início  em sua panturrilha e fui subindo, derramava o óleo por seu corpo e ia passando as mãos sobre ele. Estava relaxando, fui subindo até chegar sobre sua bunda, linda, grande durinha. Me sentei sobre ela, derramei o óleo em suas costas e continuei a massagem. Retornei até seus pés, tirei minha cueca, e comecei a massageá-los novamente, mas desta vez usando meu pau. Passava por suas pernas, pés, coxas, e virilha. Me posicionei sobre ele, me deitando e esfregando meu corpo no seu. Meu pau bem no meio daquela bunda, que coberta de óleo, deslisava bem gostoso entre ela. Ainda sobre seu corpo me virei, deixando meu pau em suas costas e minha cabeça sobre sua bunda. Com minhas mão abri bem lentamente, e comecei a passar minha linguá bem no seu cu, apertadinho, lisinho muito cheiroso. Senti ele se contorcer e gemer bem baixinho, chupei seu rabo, brinquei bastante com os dedos nele. Saí de cima, pedi para  se virar, que agora era a vez da massagem na parte da frente. 

 

Quando se virou deu pra ver o tesão em que  estava, seu pau estava de pé, duro feito rocha, as veias estourando. Comecei novamente a massagem em seus pés e fui subindo passando por perto da virilha com as mãos, a cada toque em seu corpo seu pau pulsava. Peguei o óleo, joguei sobre seu peitoral, subi sobre ele, sentando sobre seu pênis, sem a penetração, apenas encostando ele atrás de mim . Enquanto massageava seu peitoral mexia minha bunda sobre seu pau, sentia ele pulsando nela.  Fui descendo meu corpo sobre o dele, parei com minha mão sobre seu pau joguei óleo e comecei a massagear a cabeça, passava meus dedos por ela, em movimentos suaves, subia e descia com a mão bem lentamente. Seus olhos estavam fechados,  mas dava pra ver em seu semblante o prazer que estava sentindo. Ele passava a língua por entre os lábios que estavam secos, se contorcia, via arrepios subindo por seu corpo. Parei. Me posicionei e comecei a passar meu pau por seu corpo, chegando bem próximo a sua boca e voltando até seus pés, percorrendo cada centímetro daquele macho. Ele estava indo ao delírio, suas mãos suavam... voltei a massagear seu pau, desta vez coloquei lentamente minha língua bem na cabecinha, fazendo um movimento bem suave ele se contorcia. Me posicionei entre suas pernas, joguei mais óleo sobre seu pau e voltei a massagear. O gotoso dava gemidos enquanto eu  passava as mãos sobre seu pau e segurava seu saco fazendo movimentos circulares em suas bolas. Fui aumentando a velocidade, percebi seu corpo se arrepiando, ele se ergueu e jorrou o gozo sobre seu peito, soltando um gemido alto e cheio de prazer.

 

 

Finalizei a massagem com toques lentos por seu corpo, o fazendo relaxar ainda mais após o gozo. O sorriso em seu rosto foi inevitável, Estava entregue. Deixei ele a vontade, curtindo seu momento.

 

Me levantei, ascendi as luzes e ele como se estivesse em um sonho despertou e disse:

 

- Juan, acho que fui ao paraíso. Que tesão, com certeza tive um orgasmo. estou de pernas bambas. Muito obrigado por essa experiencia. 

 

O agradeci, ofereci uma toalha  e o banheiro para ele tomar um banho. Logo após nos despedimos e ele retornou para sua casa, leve e bem satisfeito, apenas se arrependendo de não ter pedido a massagem completa com penetração. Mas quem sabe em uma próxima? 

  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle

Todos os diretos reservados a ©JuanCalabares (19) 9 9627 7211

AGUARDE A PAGINA SER CARREGADA 

Registre-se no Site e receba as atualizações.